Especiais Poeta Feiticeiro

Cisma de um Pecador

Por Jorge da Luz

17/06/2021 16h00 Atualizada há 1 mês
Por: Redação

Larguei o que eu queria

Paguei o que não cabia

Andei na noite fria e nebulosa

Perdi o faro, o sossego e a luz do dia

Tentei a sorte, fui achar uma saída

Voltei pra mim ( essa vida é retraída)

 

Já bem fechado nesse eu que me aborrece

Indelicado nessa fase de lamento

Procuro o vento pra mandar o meu recado

Pois só o vento; rude, manso ou acanhado

Por ser variado tem o cisma do provento

E ao bafejar logo entrega o meu pecado

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Poeta Feiticeiro
Sobre Poeta Feiticeiro
Poeta Feiticeiro nasceu a partir da vontade de três jovens poetas compartilharem o seu talento e o prazer pela escrita com o público. O propósito é levar cultura e entretenimento aos apreciadores. Os escritores Jorge da Luz Rosane Lopes e Nina Kuhn de diferentes áreas profissionais com o gosto comum pela escrita,de forma diversificada cada qual com seu estilo poético compõem a Página Poeta Feiticeiro.
Três de Maio - RS
Atualizado às 22h25 - Fonte: Climatempo
Poucas nuvens

Mín. Máx. 14°

° Sensação
14.5 km/h Vento
61% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (31/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 18°

Geada
Domingo (01/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 20°

Sol com algumas nuvens