Cultura Horizontina

Biblioteca pública de Horizontina completou 56 anos

A biblioteca nasceu em 25 de maio de 1965, em uma sala da Prefeitura Municipal de Horizontina e o prefeito era Alfonso Alfredo Lückemeyer.

02/06/2021 14h01 Atualizada há 3 semanas
Por: Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Esporte, Cultura, Juventude e Lazer comemorou em 25 de maio o aniversário de 56 anos da Biblioteca Pública Municipal Edmar Albino Sulzbach de Horizontina. Este evento vinha sendo comemorado concomitante com o aniversário de 17 anos do Museu Municipal Zaira Elisabeth da Silva Logemann, que ocorreu no dia 20 de abril e da 19ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS, neste ano foram 660 museus e mais de 1700 atividades oferecidas em todo o Brasil. 

A Biblioteca dispõe de um acervo de aproximadamente 17 mil livros, de todos os estilos literários, para atender ao público diverso que a frequenta. “Um grande país ou município se faz com homens, mulheres e livros. A frase por nós adaptada é de Monteiro Lobato, e ilustra um local em Horizontina onde a cultura se faz presente todos os dias”.

As bibliotecas públicas têm como função proporcionar o desenvolvimento intelectual, proliferar o conhecimento e preservar a cultura local, sendo um espaço físico de fundamental importância para o desenvolvimento de uma cidade.

E como tal tem como objetivo estimular o hábito de leitura das pessoas da comunidade onde está inserida. Entendendo que o gosto por leitura não é um dom, mas um hábito que se adquire, quando a criança ao ver o seu pai ou a sua mãe lendo tenderá a imitá-los.

"Livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros mudam as pessoas." já disse Caio Graco, para nos lembrar que os livros podem mudar, sim, o local em que ela está inserida, o município, o país e o mundo. A leitura promove a mudança em cada pessoa que lê.

A leitura, especialmente de livros, traz inúmeros benefícios ao ser humano: melhora a atenção, a memória, expande os pensamentos, os conceitos, aumenta o conhecimento, alimenta a imaginação, enriquece o vocabulário e amplia as formas de se expressar.

Ao comemorar os 56 anos de Biblioteca Pública Municipal, sua coordenadora professora e historiadora Nair Soares Ferreira, faz questão de agradecer à comunidade horizontinense, especialmente aos leitores, frequentadores do espaço por todas os momentos que nos prestigiou e esteve presente, disfrutando de nosso acervo literário. “O leitor, é a razão principal de nossa existência como espaço público. Motivo pelo qual sempre nos dedicamos em aperfeiçoar nosso trabalho, para que possamos continuar crescendo juntos”, destaca Nair. 

A Biblioteca que nasceu em 25 de maio de 1965, em uma sala da então Prefeitura Municipal de Horizontina, foi criada no mandato do prefeito Alfonso Alfredo Lückemeyer. Hoje funciona junto ao Centro Cultural Jorge Logemann, com atendimento de segundas às sextas feiras das 7h45 – 12h e 13h15 – 17h15.

> Receba todas as notícias do Clic Noroeste no seu WhatsApp. Clique aqui.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Três de Maio - RS
Atualizado às 20h51 - Fonte: Climatempo
16°
Pancada de chuva

Mín. 12° Máx. 19°

16° Sensação
19.7 km/h Vento
68.8% Umidade do ar
83% (25mm) Chance de chuva
Amanhã (24/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 19°

Sol com muitas nuvens e chuva
Sexta (25/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 19°

Sol com muitas nuvens